Home / Turismo / CTI Nordeste realiza reunião para integração com países e atração de visitantes

CTI Nordeste realiza reunião para integração com países e atração de visitantes

 

             A Fundação CTI Nordeste realiza nesta segunda-feira (4), das 9h às 13h, no Hotel Atlante Plaza, no Recife, reunião do Conselho Deliberativo com o objetivo de promover um maior intercâmbio entre os estados da região e autoridades do Corpo Consular, tendo à frente a Embaixadora Kátia Gilaberte, que preside o Escritório de Representação do Ministério das Relações Exteriores Nordeste, a Cônsul da República Popular da China, Li Feiyure, e a Vice-Cônsul da Argentina, Alejandra Belén Bomben.

Entre os convidados está, também, o superintendente substituto da Sudene, Antônio Ribeiro, que poderá funcionar como indutor do desenvolvimento regional ao focar o turismo como grande vocação econômica do Nordeste. Os estados levarão àquela autarquia duas grandes preocupações: a precariedade da malha aérea regional e a necessidade de retomar as pesquisas junto aos turistas, antes feitas em convênio com a Sudene com cada estado nordestino.

O presidente da Câmara de Comércio Brasil-Argentina, David Fernandes, será outro convidado, devendo apresentar os objetivos desta entidade recém criada e que, além de servir de ponte às comercializações do eixo Norte/Nordeste com a Argentina, será um canal do para futuras parcerias comerciais.

O presidente da CTI Nordeste, Lindolfo Pires, ressalta que, com esta reunião, a CTI inaugura uma nova fase, de interação permanente com as autoridades ligadas ao desenvolvimento econômico, ressaltando que nos próximos encontros buscará a mesma integração com as entidades do sistema S, por exemplo, mas também com os bancos sociais, tais como o BNDES e o Banco do Nordeste. Um outro enlace deverá se dar com a APEX, já consultada com esse objetivo.

Lindolfo registra que a América do Sul, mais propriamente a Argentina, é um mercado emissor que tem demandado muito para o Nordeste brasileiro. Quanto à China, destaca ser um mercado lento em face da longa distância, mas é animador, considerando a implantação recente do voo direto entre Pequim e Lisboa, permitindo uma melhor conexão com o Brasil e, sobretudo, o fato de que o país asiático demandou, em 2016, quase 130 milhões de turistas viajando pelo mundo.

Fonte: Rodrigo Barros / Intercom

Veja mais na Revista Receptiva

Fábrica de lustres, da Cidade de Garibaldi, na Serra Gaúcha, Estado do Rio Grande do Sul, soma recepção de turistas no ambiente da indústria às suas opções de negócios

Visita às instalações da fábrica permite conhecer um pouco sobre a história do vidro e ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *